Pages

19.2.09

O sétimo selo

O Sétimo Selo ou Det Sjunde Inseglet revela uma alegoria em preto e branco sobre a busca infinita pelo sentido da vida em um mundo caótico: o mundo do século XIII, devastado pela Peste Negra. Tanto o tema quanto a abordagem irreverentes para o modo de fazer cinema atual, é um presente divino para qualquer cinéfilo e a primeira da série de três grandes obras-primas de Bergman, um dos diretores que finalmente fazem jus à definição do cinema como a sétima arte. Sair da mesmisse e parar de alugar os mais lucrativos filmes de Hollywood é o primeiro passo para se entender a verdadeira atribuição que pode ser dada ao cinema e o porquê de Ingmar Bergman ser foco até mesmo de doutorado em universidades e escolas de arte européias.
Jogar xadrez com a morte pode despertar perguntas inquietantes e até mesmo, respondê-las.
Afinal, 'Se nada é perfeito nesse mundo imperfeito, então o amor é perfeito na sua imperfeição.'

6 comentários:

De nascimento, Silva. disse...

nunca vi. Mas eu vou procurar agora pro carnavel residencial que eu vou passar. haha

que bom que eu não sou a única coisa estranha na locadora, agora eu sei que tem mais uma pessoa, pelo menos, que vai direto na parte de classicos.

haha
beijocas

De nascimento, Silva. disse...

carnaval*

roberto disse...

ONDE É , PAPAI?

Gabriela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
O Profeta disse...

Mudei os meus mais profundos desejos
Vi reflectida em ti a ternura
Não há derrota no sonho
Não há revolta, apenas brandura

O julgamento dos teus fracassos
É feito numa lagoa sem azul
Um milhafre lança um pio de raiva
Que atinge o branco das casas do sul


Boa semana


Mágico beijo

Fanfarrão disse...

'Se nada é perfeito nesse mundo imperfeito, então o amor é perfeito na sua imperfeição.'

Se o amor fosse perfeito, a frase "O amor é uma dor" nunca teria sido feita. E ninguém sofreria tanto por um amor perdido.

mas qual seria a graça de amar se toda a diversão ta em saber o quanto a outra pessoa se importa com você?