Pages

13.4.09

caos.

Aquecimento global, movimentos sociais, pseudo-feminismo, nostalgia de outras décadas, Beatles, Madonna, The Clash, Rita Lee.
Cigarros sem motivos, bandeira da liberdade, cara pintada pra nada.
O braço a torcer, a vida a viver, nada pra gritar.
Lixo reciclável, medicina zen, chá pra curar o vazio.
Unhas pintadas, livros empoeirados, movimento punk.
Um pouco de Clarice Lispector, Bukowski, Kakfa ou Descartes.
Todo mundo fala mas ninguém se entende.
P.h.d em não sei o quê e você já pode dizer a verdade.

O que fazer com a vida, meu deus?

3 comentários:

Fanfarrão disse...

"Todo mundo fala mas ninguém se entende."

Melhor seria: "Todo mundo fala mas ninguém faz!"

O que fazer com a vida, meu Deus? [2]

Alice Maneschy disse...

Viver.

Julyanne Alves disse...

Viver cada minuto como se fosse o ultimo! um clichê, porém bem pertinente.
Adorei o texto.