Pages

23.11.09

Eu sou igual à você, e daí?

Todo mundo acha que é diferente - bem, de fato, todo mundo é, eu mesma, nunca vi nenhum clone meu andando por aí. O único problema, é que essa busca decadente pela singularidade acaba levando todo mundo ao abismo da igualdade, da normalidade. É cool gostar de coisas que ninguém gosta, conhecer coisas que ninguém conhece. Se a sua banda preferida há anos for descoberta pela massa? A banda perde seu encanto. Puff. Por quê? A banda deixou de tocar música boa? Não, simplesmente "os novos fãs não sabem o que cantam". E como VOCÊ sabe disso? E isso não é só com música. Vejo acontecer frequentemente com filmes, livros, lugares... Dei ênfase em música porque é mais comum você ver alguém gritando "essa é MINHA música!!" - e de fato, nada impede que o seja, porém, nada também impede que o seja de outrem. Achar que é diferente só torna você igual à todos os outros. Diferente é ser normal.

Nenhum comentário: